26/08/2020

Reforce sua vida financeira na pandemia

Os impactos na economia causados pelo avanço da Covid-19, em consequência da proliferação do novo Coronavírus, são cada vez mais evidentes. Devido a isso, a necessidade de reforçar sua vida financeira se tornou ainda mais prudente e essencial.

Aqui, listamos algumas dicas para te ajudar a poupar o dinheiro necessário e enfrentar as instabilidades econômicas presentes nesse período sem muitas preocupações. Para quem está de quarentena ou em home office, essa pode ser uma oportunidade para rever seu orçamento e tentar melhorar sua saúde financeira.

1 – Tudo na ponta do lápis

A organização é um ponto essencial para se ter uma vida financeira saudável. Ter todas as contas na ponta do lápis é fundamental e você pode listá-los da seguinte forma:

  • Despesas fixas: Contas que chegam todo mês, como por exemplo: água, luz, gás e assim por diante.
  • Despesas variáveis: Gastos que não se tem todo mês e podem ser cortados com facilidade, como por exemplo: estética, combos multimídia que incluem internet, telefone e canais de TV. Como sugestão para economizar, procure saber junto a sua operadora sobre seu plano e, se possível, faça redução no pacote.

2- Corte Gastos

Com a lista de variáveis em mãos, analise e marque tudo que pode ser cortado, faça uma planilha financeira com todos os seus gastos e orçamento mensal. Para enfrentar essa crise econômica, deve-se destacar as prioridades e os demais custos devem ser deixados em segundo plano.

O lado positivo é que o isolamento social, além de evitar o avanço do vírus também te ajuda a reduzir gastos fora de casa. Já é um bom começo não é mesmo? Por outro lado, se puder, mantenha o plano médico, pois a saúde é prioridade nesse momento.

3 – Renegocie dívidas

Cortou gastos e ainda assim o orçamento não fecha? Tente renegociar os gastos como aluguel, financiamento da casa ou condomínio, por exemplo. Em tempos como estes, os credores flexibilizam formas de pagamento e até reduzem juros.

Para contas essenciais como água, luz e gás, em caso de atraso entre em contato com as empresas e negocie um parcelamento para evitar cortes. 

4- Seja consciente

A organização na vida financeira requer controlar os gastos desnecessários. Isso não significa deixar de fazer coisas que você gosta, mas sim encaixar os programas no seu orçamento para que no final do mês você consiga ter algum dinheiro na conta.

Se você realmente precisa ou quer adquirir alguma coisa, tenha certeza de que a compra cabe no seu orçamento ou programe-se, como uma meta de curto ou médio prazo, sendo necessário guardar dinheiro até ter o valor necessário. Sempre compare preços e busque por cupons de desconto.

5- Crie sua própria reserva emergencial

Com dívidas pagas e encaixadas no orçamento mensal é hora de começar sua reserva de emergência. Especialistas em finanças pessoais defendem o equivalente de três até seis meses de renda reservados. Independentemente do valor, o ideal é começar.

Por outro lado, quando você consegue guardar um valor do seu dinheiro e reunir economias, mesmo que seja pouco no começo, você já terá um montante maior do que antes de colocar na prática o processo de reserva emergencial. Além disso, caso aconteça imprevistos você estará mais preparado para lidar e planejar uma solução.

6- Coronavírus, Crise Econômica e Saúde Mental

Toda essa situação causada pela pandemia do Covid-19 é completamente nova para todos nós, algo que jamais vivemos. Portanto, é quase impossível não conhecer alguém que não esteja temendo o que virá, na verdade até mesmo você se enquadra nessa situação. Por isso, cuidar da saúde mental é fundamental neste período.

Já sabemos tudo o que precisávamos sobre essa pandemia, então se desconecte um pouco das notícias e foque em atividades que vá fazer bem para a sua mente. O importante é focar em se distrair e desenvolver hobbies, por exemplo, leia livros, coloque em dia aquela tão esperada série de TV ou até mesmo aposte em receitas culinárias. Logo tudo isso passará 😉

Como ter uma vida financeira saudável

Sabemos que as vezes dá medo de pensar no futuro. No entanto, se planejar e não ser pego de surpresa é a melhor opção. Pensar em alternativas para reforçar sua saúde financeira não pode mais ser um projeto paralelo e para um futuro distante.

Além disso, um caminho viável para começar a implementar essas dicas é a aquisição de um consórcio, pois com ele você consegue investir o seu dinheiro e ter a segurança de receber o retorno, independente dos problemas econômicos externos. Funcionando como uma compra planejada, na qual é possível reunir recursos de um grupo de pessoas com a finalidade de adquirir um bem ou serviço com o crédito acumulado.

Se interessou e quer saber mais? Baixe o app do Consórcio Magalu, disponível no Google Play e App Store e descubra mais sobre a compra planejada e como ela pode ajudar as suas conquistas a saírem do papel, mesmo em tempos de crise. Nossa equipe de especialistas online também estão prontos para te atender e tirar suas dúvidas, então não perca tempo.

Reforce sua vida financeira na pandemia

Reforce sua vida financeira na pandemia

Postado em: 26/08/2020    Escrito por: marcos

Os impactos na economia causados pelo avanço da Covid-19, em consequência da proliferação do novo Coronavírus, são cada vez mais evidentes. Devido a isso, a necessidade de reforçar sua vida financeira se tornou ainda mais prudente e essencial.

Aqui, listamos algumas dicas para te ajudar a poupar o dinheiro necessário e enfrentar as instabilidades econômicas presentes nesse período sem muitas preocupações. Para quem está de quarentena ou em home office, essa pode ser uma oportunidade para rever seu orçamento e tentar melhorar sua saúde financeira.

1 – Tudo na ponta do lápis

A organização é um ponto essencial para se ter uma vida financeira saudável. Ter todas as contas na ponta do lápis é fundamental e você pode listá-los da seguinte forma:

  • Despesas fixas: Contas que chegam todo mês, como por exemplo: água, luz, gás e assim por diante.
  • Despesas variáveis: Gastos que não se tem todo mês e podem ser cortados com facilidade, como por exemplo: estética, combos multimídia que incluem internet, telefone e canais de TV. Como sugestão para economizar, procure saber junto a sua operadora sobre seu plano e, se possível, faça redução no pacote.

2- Corte Gastos

Com a lista de variáveis em mãos, analise e marque tudo que pode ser cortado, faça uma planilha financeira com todos os seus gastos e orçamento mensal. Para enfrentar essa crise econômica, deve-se destacar as prioridades e os demais custos devem ser deixados em segundo plano.

O lado positivo é que o isolamento social, além de evitar o avanço do vírus também te ajuda a reduzir gastos fora de casa. Já é um bom começo não é mesmo? Por outro lado, se puder, mantenha o plano médico, pois a saúde é prioridade nesse momento.

3 – Renegocie dívidas

Cortou gastos e ainda assim o orçamento não fecha? Tente renegociar os gastos como aluguel, financiamento da casa ou condomínio, por exemplo. Em tempos como estes, os credores flexibilizam formas de pagamento e até reduzem juros.

Para contas essenciais como água, luz e gás, em caso de atraso entre em contato com as empresas e negocie um parcelamento para evitar cortes. 

4- Seja consciente

A organização na vida financeira requer controlar os gastos desnecessários. Isso não significa deixar de fazer coisas que você gosta, mas sim encaixar os programas no seu orçamento para que no final do mês você consiga ter algum dinheiro na conta.

Se você realmente precisa ou quer adquirir alguma coisa, tenha certeza de que a compra cabe no seu orçamento ou programe-se, como uma meta de curto ou médio prazo, sendo necessário guardar dinheiro até ter o valor necessário. Sempre compare preços e busque por cupons de desconto.

5- Crie sua própria reserva emergencial

Com dívidas pagas e encaixadas no orçamento mensal é hora de começar sua reserva de emergência. Especialistas em finanças pessoais defendem o equivalente de três até seis meses de renda reservados. Independentemente do valor, o ideal é começar.

Por outro lado, quando você consegue guardar um valor do seu dinheiro e reunir economias, mesmo que seja pouco no começo, você já terá um montante maior do que antes de colocar na prática o processo de reserva emergencial. Além disso, caso aconteça imprevistos você estará mais preparado para lidar e planejar uma solução.

6- Coronavírus, Crise Econômica e Saúde Mental

Toda essa situação causada pela pandemia do Covid-19 é completamente nova para todos nós, algo que jamais vivemos. Portanto, é quase impossível não conhecer alguém que não esteja temendo o que virá, na verdade até mesmo você se enquadra nessa situação. Por isso, cuidar da saúde mental é fundamental neste período.

Já sabemos tudo o que precisávamos sobre essa pandemia, então se desconecte um pouco das notícias e foque em atividades que vá fazer bem para a sua mente. O importante é focar em se distrair e desenvolver hobbies, por exemplo, leia livros, coloque em dia aquela tão esperada série de TV ou até mesmo aposte em receitas culinárias. Logo tudo isso passará 😉

Como ter uma vida financeira saudável

Sabemos que as vezes dá medo de pensar no futuro. No entanto, se planejar e não ser pego de surpresa é a melhor opção. Pensar em alternativas para reforçar sua saúde financeira não pode mais ser um projeto paralelo e para um futuro distante.

Além disso, um caminho viável para começar a implementar essas dicas é a aquisição de um consórcio, pois com ele você consegue investir o seu dinheiro e ter a segurança de receber o retorno, independente dos problemas econômicos externos. Funcionando como uma compra planejada, na qual é possível reunir recursos de um grupo de pessoas com a finalidade de adquirir um bem ou serviço com o crédito acumulado.

Se interessou e quer saber mais? Baixe o app do Consórcio Magalu, disponível no Google Play e App Store e descubra mais sobre a compra planejada e como ela pode ajudar as suas conquistas a saírem do papel, mesmo em tempos de crise. Nossa equipe de especialistas online também estão prontos para te atender e tirar suas dúvidas, então não perca tempo.

Tags: , , ,

Os impactos na economia causados pelo avanço da Covid-19, em consequência da proliferação do novo Coronavírus, são cada vez mais evidentes. Devido a isso, a necessidade de reforçar sua vida financeira se tornou ainda mais prudente e essencial.

Aqui, listamos algumas dicas para te ajudar a poupar o dinheiro necessário e enfrentar as instabilidades econômicas presentes nesse período sem muitas preocupações. Para quem está de quarentena ou em home office, essa pode ser uma oportunidade para rever seu orçamento e tentar melhorar sua saúde financeira.

1 – Tudo na ponta do lápis

A organização é um ponto essencial para se ter uma vida financeira saudável. Ter todas as contas na ponta do lápis é fundamental e você pode listá-los da seguinte forma:

  • Despesas fixas: Contas que chegam todo mês, como por exemplo: água, luz, gás e assim por diante.
  • Despesas variáveis: Gastos que não se tem todo mês e podem ser cortados com facilidade, como por exemplo: estética, combos multimídia que incluem internet, telefone e canais de TV. Como sugestão para economizar, procure saber junto a sua operadora sobre seu plano e, se possível, faça redução no pacote.

2- Corte Gastos

Com a lista de variáveis em mãos, analise e marque tudo que pode ser cortado, faça uma planilha financeira com todos os seus gastos e orçamento mensal. Para enfrentar essa crise econômica, deve-se destacar as prioridades e os demais custos devem ser deixados em segundo plano.

O lado positivo é que o isolamento social, além de evitar o avanço do vírus também te ajuda a reduzir gastos fora de casa. Já é um bom começo não é mesmo? Por outro lado, se puder, mantenha o plano médico, pois a saúde é prioridade nesse momento.

3 – Renegocie dívidas

Cortou gastos e ainda assim o orçamento não fecha? Tente renegociar os gastos como aluguel, financiamento da casa ou condomínio, por exemplo. Em tempos como estes, os credores flexibilizam formas de pagamento e até reduzem juros.

Para contas essenciais como água, luz e gás, em caso de atraso entre em contato com as empresas e negocie um parcelamento para evitar cortes. 

4- Seja consciente

A organização na vida financeira requer controlar os gastos desnecessários. Isso não significa deixar de fazer coisas que você gosta, mas sim encaixar os programas no seu orçamento para que no final do mês você consiga ter algum dinheiro na conta.

Se você realmente precisa ou quer adquirir alguma coisa, tenha certeza de que a compra cabe no seu orçamento ou programe-se, como uma meta de curto ou médio prazo, sendo necessário guardar dinheiro até ter o valor necessário. Sempre compare preços e busque por cupons de desconto.

5- Crie sua própria reserva emergencial

Com dívidas pagas e encaixadas no orçamento mensal é hora de começar sua reserva de emergência. Especialistas em finanças pessoais defendem o equivalente de três até seis meses de renda reservados. Independentemente do valor, o ideal é começar.

Por outro lado, quando você consegue guardar um valor do seu dinheiro e reunir economias, mesmo que seja pouco no começo, você já terá um montante maior do que antes de colocar na prática o processo de reserva emergencial. Além disso, caso aconteça imprevistos você estará mais preparado para lidar e planejar uma solução.

6- Coronavírus, Crise Econômica e Saúde Mental

Toda essa situação causada pela pandemia do Covid-19 é completamente nova para todos nós, algo que jamais vivemos. Portanto, é quase impossível não conhecer alguém que não esteja temendo o que virá, na verdade até mesmo você se enquadra nessa situação. Por isso, cuidar da saúde mental é fundamental neste período.

Já sabemos tudo o que precisávamos sobre essa pandemia, então se desconecte um pouco das notícias e foque em atividades que vá fazer bem para a sua mente. O importante é focar em se distrair e desenvolver hobbies, por exemplo, leia livros, coloque em dia aquela tão esperada série de TV ou até mesmo aposte em receitas culinárias. Logo tudo isso passará 😉

Como ter uma vida financeira saudável

Sabemos que as vezes dá medo de pensar no futuro. No entanto, se planejar e não ser pego de surpresa é a melhor opção. Pensar em alternativas para reforçar sua saúde financeira não pode mais ser um projeto paralelo e para um futuro distante.

Além disso, um caminho viável para começar a implementar essas dicas é a aquisição de um consórcio, pois com ele você consegue investir o seu dinheiro e ter a segurança de receber o retorno, independente dos problemas econômicos externos. Funcionando como uma compra planejada, na qual é possível reunir recursos de um grupo de pessoas com a finalidade de adquirir um bem ou serviço com o crédito acumulado.

Se interessou e quer saber mais? Baixe o app do Consórcio Magalu, disponível no Google Play e App Store e descubra mais sobre a compra planejada e como ela pode ajudar as suas conquistas a saírem do papel, mesmo em tempos de crise. Nossa equipe de especialistas online também estão prontos para te atender e tirar suas dúvidas, então não perca tempo.

Formas de pagamento

Baixe nosso app

Uma empresa do grupo
Luiza Administradora de Consórcios Ltda: - CNPJ: 60.250.776/0001-91
Feito com ♥ pela 8D PRO
Chat Chat